MÚSICA E SINTONIA

Por Henrique Gomes

Você já parou para pensar em fazer uma enquete entre os seus amigos, e verificar se há pelo menos um deles que não goste de música? Provavelmente, não encontrará nenhum que não aprecie este gênero de manifestação das artes.

A “música (do grego – musiké téchne, a arte das musas) é uma forma de arte que se constitui basicamente em combinar sons e ritmo (…)” [i] . Envolve melodia, harmonia, ritmo, dinâmica e timbre como elementos artísticos. Dentro das artes, muitos consideram a música como uma arte sublime e completa.

Presente na vida do Homem, desde a pré-história, conforme comprovado em gravuras do período Paleolítico (cerca de 2,5 milhões a.C), a música é a sua companheira em todos os momentos, estabelecendo sintonia do Ser com diversos aspectos da vida. Independentemente do tipo – erudita, popular, religiosa ou folclórica, esta arte é utilizada nas canções de ninar, ou para relaxamento, estudo, concentração, meditação, comemorações, homenagens fúnebras ou festivas, ou seja, faz parte de todos os eventos da vida humana (e não só da vida humana).

De acordo com resultado de experiência realizada pelo pesquisador japonês Masaru Emoto[ii], especialista em medicinas naturais,   a vibração que envolve pensamentos, palavras e músicas é capaz de mudar a estrutura molecular da água. Demonstrou, por meio de fotos microscópicas das moléculas da água, que após amostras de água destilada serem expostas a músicas objetivando relaxamento, produziram imagens belíssimas, em forma de cristais. Composições de Beethoven, Bach, ou sutra tibetanos produziram estes efeitos de imagens na amostra de água. Por outro lado, a experiência de Masaru Emoto demonstrou que porções de água submetidas a exposição de músicas agressivas produziram imagens com efeitos que ele considerou “desestruturados” e “como num turbilhão confuso”. De acordo com suas pesquisas, em uma exposição a um heavy metal, a foto apresentou uma imagem semelhante a águas poluídas[iii].

No ser humano, a música pode estabelecer a sintonia desejada, de acordo com gostos, momentos e afinidades. Assim, a música New Age (Nova Era), por exemplo, tem sido utilizada por seguidores espiritualistas para relaxamento e meditação, que, ao ouvir as melodias, esperaram despertar sentimentos de paz interior e harmonia. Já a música cristã contemporânea se utiliza de ritmos pop com letras de temática cristã e linguagem popular, com o objetivo de louvor e adoração. Músicas de conteúdo espírita também são compostas e divulgadas para disseminação de mensagens de fraternidade, além de harmonização de ambientes e elevação espiritual.

Ery Lopes, esclarece em “A Música Segundo o Espiritismo”, que apesar de musicofobia estar definida nos dicionários como “aversão à musica”, o termo não é nada usual, (…) simplesmente porque não há nenhum registro, na história, em época nenhuma, que exista um só indivíduo que não aprecie a Música”. E complementa: “(…) iludem-se aqueles que encerram os atributos da Música apenas ao escopo do mero entretenimento. Há, pois , uma altiva missão para esta arte: penetrar as densas e obscuras mentes, amolecer os mais duros corações, enternecer as mais brutas personalidades”.[iv]

Por isso, provavelmente você não encontrará nenhum de seus amigos que não goste de música. Esta arte sublime está disponível para todos, esperando apenas que seja feita a sintonia, para a sua recepção.

 

Fontes

http://pt.wikipedia.org/wiki/Musica

Lopes Ery, A Música Segundo o Espiritismo, Ed. Luz Espírita


[i] http://pt.wikipedia.org/wiki/Musica

[ii] Presidente da Sociedade Internacional Hado, do Japão, voltada a investigação das energias sutis da natureza e do homem em sua relação com a consciência humana

[iii] https://www.youtube.com/watch?v=ZTIrBHFJODU

[iv] Lopes Ery, A Música Segundo o Espiritismo, Ed. Luz Espírita, Cap VII – Missão Musical, pag. 36.

 

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s