Solidão sim, sofrimento nunca!

Mulher pintando coração

Fonte: Google

Tememos a solidão por ser algo largamente repudiado na sociedade. Desenvolvemos um olhar uno e errôneo do que possa ser este estado de espírito, esquecemos seus benefícios por falta de interesse em aprofundá-lo, tornando-o desconhecido e amedrontador para muitos. Resultado: um agravante a mais para o necessário diálogo interno e a difundida reforma íntima. Em frase oportuna para esta temática além de esclarecedora, o escritor francês Paul Valéry, nos faz refletir quando diz: “Há momentos infelizes em que a solidão e o silêncio se tornam meios de liberdade”. Nestes momentos de convívio a sós com nós mesmo é que temos a percepção da alma em sua abrangência, quando esta fadigada e desejosa de atenção clama por silêncio reflexivo. Conselhos tem grande valor fraternal, bons programas ou leituras são certamente esclarecedores, porém se não limparmos nossa janela interna onde revela-se nosso déficit emocional, caminharemos sem uma rota clara e traçando um rumo para futuro duvidoso não suportaremos tamanho bombardeio de informações que nem sempre são relevantes e em outros momentos serão  disparatadas.
A melhor companhia para você só poderá ser você mesmo, porque será o único que estará aonde for e até o fim. Escute-se mais, permita-se ter autonomia sobre suas decisões por entender que, você melhor que qualquer pessoa, decifrará a criptografia presente em seu coração. A solidão acolhida e permitida e o silêncio externo ampliarão a qualidade das respostas vindas do mais alto e todos os conflitos diluídos ao percorrer este belo trajeto culminarão no retorno à consciência ativa!

Por Alexandra Paes

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s