Em seu lugar

SelfMadeMan

Escultura Self Made Man de Loveland Bobbie Carlyle. Foto: Nova Acrópole

Falte com a palavra
Quando esta venha a ferir
Engane sua razão
Quando não te fizer sorrir

Deixe para depois
O que ainda não está certo
Mantenha sempre por perto
As boas ações

A imensidão das preocupações
Ofusca a lógica das soluções
Nada é tão longo que não tenha
Prazo determinado ou senha

Após refletir sem dilatar
A causa do mal estar
As peças encontram seu encaixe
Dando continuidade no realizar

Cada história tem seu lugar
Cada momento oportuno há de chegar
Respostas hão de clarear
Espera e confia ainda dá para sonhar

Ainda dá para sonhar, para planejar, para cravar nosso nome na lista dos que caminharam esforçando-se para melhorar e aprimorar-se, sem receio de tentar, menos ainda culpar-se pelos tropeços do caminho sendo natural dado o meio vicioso em que nos desenvolvemos. Tão pouco nos cabe acomodar-se na vitimização como forma de auto piedade que angustia e paralisa as reformas necessárias de nossa alma milenar! Cura as feridas dos pés que sangram por causa da estrada pedregosa, mas nunca desistemos de seguir tentando, com calçados mais resistentes de paciência e  resignação!

Por Alexandra Paes

Anúncios
Esse post foi publicado em Reflexões. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s